play80´s

quinta-feira, 17 de março de 2016

Por onde anda João Pensa e seus Miquinhos Amestrados?

· 
 
Os músicos eram uma turma de amigos do Leblon, a maioria do mesmo prédio, que formaram a banda "João Penca e seus Miquinhos Amestrados", com o nome mais ridículo que conseguiram pensar e dentro do espírito irreverente que caracteriza o brasileiro. Eram nove: Bob Gallo, Avellar Love, Leo Jaime, Selvagem Big Abreu, Leandro Verdeal, Cláudio Killer, Del Rosa, Guilherme Hully Gully e Mimi Erótico. Léo logo saiu para fazer carreira solo. Na época ele disse que a turma não levava a carreira a sério. Da segunda metade da década de 90 até meados de 2007 a banda esteve inativa, os membros seguiram suas carreiras pessoais e participaram de eventos isolados. Por volta de 2005, e por pouco tempo, Selvagem Big Abreu e Bob Gallo se juntaram à Otávio "Dôdo" Ferreira, Guilherme "Hully-Gully" Belletti e Arturo Marola (uma formação quase igual aos Miquinhos) para formar o grupo Os Pororocas. Paralelo a isto, Avellar Love chegou a formar a banda Gorillas Selvagens e outras aparições esporádicas, como em alguns eventos da Festa Ploc. Porém, em 2007, o grupo se reuniu e voltou a fazer shows. Chegaram a ter a música Sol, Som, Surf e Sal na novela Três Irmãs (2008-2009), que havia sido gravada anos antes mas nunca lançada. Em dezembro de 2008 fizeram um show no Circo Voador (Rio de Janeiro) de gravação do 1° DVD, mas poucas semanas depois a banda voltou a se desfazer e o projeto foi arquivado.
A última formação dos Miquinhos, além do famoso trio de intérpretes, contava com Dôdo Ferreira (baixo), Ricardinho Palmeira (vulgo "Cabelo" - guitarra) - estes dois eram músicos da banda no auge do sucesso - e Sérgio Melo (bateria).

Nenhum comentário: